A vida de um mangaká

10:32


 Como a indicação do mês tem tudo a ver com mangakás, hoje vim trazer algumas informações bem interessantes sobre como é a rotina, as dificuldades, os instrumentos de trabalho e tudo o que eu puder sobre a vida que esses ídolos, considerados por muitos, levam. Venha comigo!

  Primeiro, se você pensa em se tornar um mangaká, precisará de muita disposição, uma boa história e saber desenhar! Claro que como em Bakuman, você pode formar parcerias caso tenha ótimas ideias mas não sabe desenhar, ou vice-versa. Feito isso, você fará um manuscrito, ou mais conhecidos como names, do seu mangá para mostrar à um editor de alguma empresa a qual almeja trabalhar. E assim, com muita sorte e esforço pode ser aceito. E a partir daí sua vida começa, ou termina, haha.


[Exemplo de um name]

 E não vão pensando que a partir daqui será fácil, depois de ser aceito, você e seu companheiro (caso tiver) terão os primeiros capítulos publicados em uma revista onde você receberá votações da sua obra junto à outras. No caso da Shounen Jump, a revista de mangá semanal atualmente mais vendida no Japão, os leitores votam nos três melhores capítulos da edição e mandam pelo correio. A editora faz uma coleta dos dados e assim forma-se um ranking dos mangás mais populares, se o seu mangá ficar por três semanas seguidas abaixo da 12ª posição, muito provável que será morte na certa.

 Há algum tempo foi lançado a agenda que mostrava a rotina do mangaká Hiroshi Shiibashi, que vocês podem conferir abaixo:


[Crédito da foto: animestebane]

 Claro que essa tabela mostra o cotidiano de um mangaká que já tem um trabalho bem avançado, sobrevivendo aos lançamentos semanais da revista. E da pra ter uma boa noção de como eles passam a semana.

 Se o seu mangá começa a crescer cada vez mais e não sai do top 10, é de se esperar que você tenha cada vez mais trabalho, e portanto você pode conseguir uma equipe de assistentes que fazem basicamente os detalhes do name, as sombras, paisagens, fundos e etc, mas sem interferir na história.

 E a partir daí é aguentar a agenda apertada e corrida e conquistar o público!

 Dei uma bela resumida no que um mangaká precisa fazer, mas sabemos que pra chegar a esse ponto não é nada fácil, e o anime Bakuman deixa isso bem claro, então se gostou do post e não assistiu o anime ainda, corre lá! Espero que tenham gostado e pretendo fazer algumas continuações falando sobre os materiais utilizados as técnicas e tudo mais. Até a próxima!

Você também pode gostar

0 comentários

- Aproveite este espaço para conversar conosco. As guardas estarão monitorando e moderando seus comentários para evitar que não sejam lidos e também evitar comentários desrespeitosos;

- Deixem sempre o link de vossos blogs nos comentários para que nós e outras pessoas possam visitar;

- Caso queira entrar em contato sobre o blog use o nosso e-mail (ruadasbegonias@gmail.com).

Siga o blog

Acompanhe pelo facebook

Conheça outros blogs