Tem idade para ser fã?

11:39


 Certo dia me perguntaram se eu tinha algum ídolo e eu respondi que sim, na maior naturalidade. Então essa pessoa começou a me passar um enorme sermão sobre eu já ser velha para ser fã de alguém ou alguma coisa. E isso tem cabimento? Vamos discutir!

 Naquela hora eu não sabia se ria ou chorava, porque de fato eu já cheguei a uma certa idade que não me é confortável ficar pulando feito louca pela rua ou discutindo no twitter sobre meu ídolo ser melhor que o seu. Na verdade, não é nem questão de IDADE e sim de MATURIDADE.

 Mas ao mesmo tempo que eu já passei por essa fase de "faria qualquer loucura pelo meu ídolo", eu mudei. E mesmo tendo mudado meu sentimento é o mesmo de anos atrás. O que acontece é que hoje eu sei distinguir uma paixão desenfreada de um amor calmo. Ambos são verdadeiros, mas você chega a um momento que certas coisas não fazem mais sentido, o que não tira o seu "mérito de fã".

 Outra situação foi quando amigos meus falavam sobre como eram desocupados os fãs que criavam sites, páginas ou blogs para os seus ídolos. De fato, eles estavam certos sobre a falta de tempo, mas a questão é que se dedicar a um trabalho assim exige muito da pessoa.

 Já ouvi que era criança por um ter um site para meu ídolo, mas aquela foi uma experiência tão gratificante e que me fez aprender tantas coisas e eu não tenho vergonha alguma de dizer isso. Eu trabalhei muito pelo meu ídolo e continuo fazendo o possível. Não porque sou uma fã infantil, mas porque sei como é importante para aquele de quem sou fã ter meu apoio.

 Não significa que daqui dez anos ou mais estarei com toda essa energia, mas que eu ainda vou ouvir suas músicas isso eu tenho certeza. Porque hoje, esse amor de fã me fez ir além. Fez com que eu entendesse que não importa quanto tempo passe, não importa quantos anos eu tenha, por ser um sentimento verdadeiro ele sempre vai existir. E como diria minha querida Juvia, de Fairy Tail, "mesmo que mudem de forma, sentimentos sempre permanecem no coração".

Você também pode gostar

8 comentários

  1. Oii. Finalmente fiquei de férias e esse foi o primeiro post que eu li e adorei (rsrs). Sabe não acredito que tenha idade para ser fã e concordo contigo quando disse que é só questão de maturidade. Não sou tão alucinada pelo meus ídolo como era antes, mas mesmo assim continuo com o mesmo amor. Sobre ter um blog sobre um ídolo, nunca tive problema com isso, pelo ao contrario acho muito legal.

    Kissus (Aegyo Pudim - O blog estar em reforma geral, mas logo voltamos.)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oba, ficamos felizes! Esperamos que volte logo com o blog ♥

      Excluir
  2. Olá Bruna >.<, tudo bom?
    Eu acho que até na adolescência, se tu dizer que é fã de alguém, a pessoa vai achar meio nhé nhé nhé isso, algo mais infantil, claro, dependendo do cantor/grupo/banda. Eu não acho problema algum adulto gostar de um ídolo, acho super normal, ainda mais, não sei como há gente que se incomoda com uma pessoa mais velha gostando de um cantor. Eu sou uma fã mais calma, mas quando se trata em ajudar o grupo que eu gosto, eu faço de tudo USHUSUH.

    Me pergunto se quando eu crescer eu vou ter ainda esse sentimento de fã, e vai ser a mesma coisa ou irá mudar. Eu particularmente gosto disso, de ser fã, de ter esses sentimentos, então fico meio desanimada em imaginar que um dia eles podem sumir.
    Sobre os fãs que criam sites para os ídolos, o pessoal acha que eles só vivem disso, que não fazem nada além de de lidarem com o site. Cada um tem o seu tempo, sua forma de lidar com ele, eu tenho um blog, mas nem por isso vivo só dele, faço várias outras coisas também, sem contar que geralmente sites feitos sobre o ídolo e etc, possuem uma equipe e etc.

    Concordo com tudo que você falou, se for um verdadeiro sentimento, sempre permanecerá.
    Beijos beijos, até mais!
    http://galaxy-of-drams.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sentimentos verdadeiros nunca deixam de existir, mas com o tempo a nossa "forma de amar", ou "forma de se expressar", mudam um pouco. Mas é normal! Eu também já tive uma fanbase e sei como é trabalhoso. Só segue em frente quem tem tempo e se dedica de verdade, tem que ter muito amor! Hahahaha! Beijão!

      Excluir
    2. Eu tenho medo de isso ocorrer comigo e eu confundir com "eu não estou gostando mais deles", sei lá, gosto desse sentimento de fã sabe? Ah, deve ser trabalhoso mesmo, sempre pensei nisso e vejo todas essas fanbases postando tudo as informações direitinho todo dia. Já imagino! Eu certamente não conseguiria lidar com uma fanbase UHSUSHS.

      Beijos!

      Excluir
    3. Entendo, eu também penso nisso as vezes. Mas acho que não devemos nos preocupar, o amor sempre vai estar bem vivo dentro de nós, não importa como demonstremos isso ♥

      Excluir
  3. Concordo com você em relação a maturidade, acho que todos temos fases em que somos "loucos" por nossos ídolos, mas depois de um tempo acaba se tornando admiração. Engraçado, é que quando você diz que é fã de algo algumas pessoas gostam de alfinetar pra ver sua reação e coisas do tipo, eu particularmente não me importo e também não acho que isso me torne menos fã, mas creio que seja de pessoa pra pessoa.
    Eu nunca criei um blog ou página sobre um ídolo, mas já segui vários e acho que em parte não é perda de tempo, pois a partir disso você faz novas amizades e encontra pessoas com o mesmo gosto que o seu.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Yup! É bem o que eu penso, sem tirar nem por hehehe :)

      Excluir

- Aproveite este espaço para conversar conosco. As guardas estarão monitorando e moderando seus comentários para evitar que não sejam lidos e também evitar comentários desrespeitosos;

- Deixem sempre o link de vossos blogs nos comentários para que nós e outras pessoas possam visitar;

- Caso queira entrar em contato sobre o blog use o nosso e-mail (ruadasbegonias@gmail.com).

Siga o blog

Acompanhe pelo facebook

Conheça outros blogs